Uma boa saída

0
348

O Consórcio voltou a ser uma excelente ferramenta de financiamento para adquirir caminhões. Conheça os principais motivos.

 Ele é uma modalidade de compra planejada. Por seu meio, não é necessário ter o valor total do bem para adquiri-lo. Com isso, se a pessoa ou empresa tem um capital em mãos, mas ele não é suficiente para a compra do bem, ou então, se a pessoa não quer ou não pode investir todo seu dinheiro na compra do bem, então o consórcio pode ser uma boa alternativa.

No sistema de consórcios há vários benefícios. Um dos principais é que não há juros incluídos no valor da parcela mensal. Por conta disso, a quantidade de parcelas a serem pagas pelo consorciado pode vir a ser muito inferior a que seria necessário no caso de um financiamento bancário. O consórcio também é uma boa ferramenta para formar e ampliar o patrimônio. Além disso, a contemplação dá ao consorciado um poder de compra maior, já que a carta de crédito representa dinheiro à vista à pessoa que vai vender o bem. Dessa forma, o consorciado tem mais poder de negociação no valor do bem que pretende adquirir. Com isso, é possível obter mais descontos, etc. Para participar do sistema de consórcios não é necessário avalista e nem comprovação de renda.

Segundo Rogerio Pereira, diretor Comercial do Embracon, há várias opções de planos com prazos de 36, 50, 70, 85, 100 e 120 meses. O lance é facilitado, utilizando até 25% do valor do crédito para pagamento de lance. “Autorizado e fiscalizado pelo Banco Central, garantia e segurança total para você”, lembra Pereira.

O consórcio de caminhões está dentro da modalidade de veículos pesados, que também inclui ônibus, semirreboques, tratores e implementos.

Segundo dados da Associação Brasileira das Administradoras de Consórcios (ABAC), em 2016, essa categoria fechou o ano com 280,5 mil participantes ativos em todo o Brasil. Foram vendidas 51,1 mil novas cotas ao longo do ano a um tíquete médio (valor médio da cota no mês) de R$ 142,4 mil. Também foram comercializados cerca de R$ 7,10 bilhões em créditos ao longo de 2016. Além disso, o sistema de consórcios disponibilizou R$ 4,23 bilhões para que os 30,2 mil consorciados contemplados ao longo ano tivessem oportunidade de comprar seu veículo pesado, entre os quais os caminhões.

O sistema de consórcios como um todo (que contempla seis categorias: veículos leves, veículos pesados, motocicletas, imóveis, serviços e eletrônicos e outros bens móveis) registrou um total de 2,28 milhões de cotas comercializadas em 2016, com cerca de 6,98 milhões de consorciados ativos em 2016. Durante o ano foram 1,28 milhão de cotas contempladas, R$ 83,87 bilhões em créditos comercializados de janeiro a dezembro do ano passado e R$ 39,42 bilhões em créditos concedidos no período.

Segundo dados da ABAC, o sistema de consórcios registrou expansão de 14,1% em seus negócios em janeiro de 2017. Esse crescimento já mostra uma tendência de crescimento nos negócios em 2017. O aumento, de R$ 5,67 bilhões para R$ 6,47 bilhões de créditos comercializados, praticamente manteve o ritmo de crescimento ocorrido no segundo semestre do ano passado. O avanço foi resultado do maior número de vendas de novas cotas em janeiro último em comparação ao mesmo mês de 2016. Mesmo sendo um período de férias com consequente redução das atividades, as adesões mostraram alta de 4,4%, saltando de 168,6 mil (jan/2016) para 176 mil (jan/2017).

O setor de consórcios de veículos pesados (que contempla os caminhões e carretas) foi o segundo de maior crescimento em janeiro, com 23,1% em relação ao mesmo período do ano passado. Ficou atrás somente dos consórcios de serviços, que cresceu 47,1%.  Em janeiro o sistema de consórcios de veículos pesados registrou 281,5 mil participantes ativos. Também foram vendidos neste mês 3,2 mil novas cotas de consórcio e comercializados R$ 445,37 milhões em crédito. Além disso, 2,7 mil consorciados tiveram a oportunidade de comprar seu caminhão, carreta, ônibus, semirreboque, trator ou implemento no mês.

“Mesmo que ainda estejamos num período em que o setor de Logística & Transporte sofra as consequências da crise por conta da menor produtividade industrial, por exemplo, temos também a perspectiva de reaquecimento por uma série de motivos, como os números positivos do agronegócio, as perspectivas de investimentos em infraestrutura por conta das recentes medidas anunciadas pelo Governo, etc. Por conta destes e de outros fatores, o mercado vai se animar e acreditamos que haverá muitas possibilidades de crescimento. E o consórcio está à disposição para ser um aliado seja do caminhoneiro ou da transportadora de qualquer porte na hora de planejar a troca do caminhão, da carreta ou até da frota”, diz Rogerio Pereira.

O consórcio é uma modalidade de compra e investimento bastante flexível. O consorciado escolhe o valor do crédito que necessita, o prazo e o valor das parcelas que cabem em seu orçamento. No caso dos consórcios para caminhão há várias modalidades de planos.  O Embracon trabalha com planos que vão de 50 a 120 meses de pagamento, com taxa de administração fixa e lance facilitado. Nossos grupos contam com até quatro contemplações mensais. “Estabelecemos dois planos para os consórcios de veículos que atendem a diferentes finalidades do consorciado”, diz Pereira.

Perfil

A grande maioria dos clientes é formada por pessoas físicas que buscam uma forma justa e planejada de administrar e aumentar seu patrimônio. No caso do caminhão, por exemplo, o consorciado pode considerar que precisa trocar seu caminhão de em dois ou três anos, por exemplo. Ele pode fazer um consórcio desde já e poupar um pouco por mês para programar um lance futuro. Daí quando chegar na época adequada, ele pode dar um lance para ser contemplado. É importante ressaltar que a oferta de lance ganhadora a cada sorteio é a de maior valor. Mas existe a tendência de que lances diminuam, em valor e em quantidade ao longo do tempo. Daí a concorrência diminui e aumentam as chances de ser contemplado. Nesse meio tempo também pode acontecer a contemplação por sorteio.

 

É também importante que o consorciado pesquise bem a empresa de consórcio. Procure uma empresa reconhecida no mercado e com tradição. O sistema de consórcios é fiscalizado e regulado pelo Banco Central. Toda empresa de consórcio deve ser legalmente registrada no Banco Central.

 Otimismo

Segundo Claudio Alberto Bassani, gerente Comercial da Randon Consórcios, também, tem expectativa para 2017. “Esperamos crescimento em relação ao desempenho do ano anterior. Estamos conservadores, mas otimistas, porque em janeiro, o mercado já esboçou reação e cresceu 23% em cotas vendidas em relação ao mesmo mês de 2016”, falou.

Ele lembra que as pessoas e as empresas ainda estão receosas de assumir novos compromissos financeiros, mas essa perspectiva de alta se baseia justamente no fato do consórcio ser uma alternativa de crédito econômica e flexível, que possibilita ao caminhoneiro ou ao frotista programar a ampliação ou a renovação dos seus implementos e caminhões com parcelas ajustáveis a sua capacidade de pagamento mensal e sem se descapitalizar.

A Randon Consórcios está há 30 anos no mercado administrando o Consórcio Nacional Randon, de implementos rodoviários da marca, com a tradição e a confiança para quem quer fazer um investimento de médio e longo prazo. São planos de R$ 80 mil a R$ 200 mil, sem entrada e taxa de adesão e com parcelamento total do bem em até 100 meses. “Em 2014, firmamos parceria com a Foton Aumark do Brasil, consórcio dedicado exclusivamente aos caminhões leves (até 10 toneladas) da marca. Recentemente, também começamos a operar com o Consórcio Nacional DAF, de caminhões dessa fabricante de destaque no mercado europeu e que está se consolidando no Brasil com a linha de pesados e extrapesados”, explicou Claudio Alberto Bassani. Além de ótimas vantagens, como planos de 100 meses, pagamento com parcela integral ou reduzida e créditos de R$ 347 mil a R$ 427 mil, o destaque do Consórcio DAF fica por conta da promoção de lançamento do grupo, que oferece viagens nacionais e internacionais aos clientes que fizerem sua adesão até a primeira assembleia do grupo, prevista para agosto deste ano.

Nos três segmentos – Consórcio Nacional Randon, Consórcio Nacional Foton e Consórcio Nacional DAF – vale ressaltar a segurança que só o consórcio de fábrica oferece, ou seja, garantia de entrega e suporte na hora de utilizar o crédito contemplado para a aquisição do produto desejado pelo cliente.

“Nós trabalhamos para oferecer aos nossos clientes as melhores condições para a aquisição de implementos e caminhões. Ou seja, queremos conquistar os nossos clientes por meio de uma modalidade de crédito que estimula a disciplina para poupar, que é mais segura por ser um autofinanciamento, que não depende de recursos de terceiros, e que tem um custo financeiro justo e interessante para aqueles que querem investir no seu negócio. Contamos com a credibilidade de uma Administradora que tem 30 anos de mercado e com a qualidade de três grandes marcas para o cliente adquirir seu produto pelo consórcio, a Randon, a Foton e a DAF”, comentou Bassani.

Segundo Antonio Cammarosano, diretor de Vendas de Caminhões – Mercado Nacional da MAN Latin America, as nossas vendas de consórcio foram muito positivas em 2016. Em 2015 existiam grupos de concessionários que praticamente não possuíam cotas em carteira e hoje possuem mais de 300 cotas comercializadas. Os que já trabalhavam, tiveram crescimento superior a 200% e os que não trabalhavam estão enxergando uma excelente oportunidade de vendas.

“As expectativas continuam muito positivas e o crescimento continuará sendo importante para o mercado de caminhões. Com a restrição de crédito e o aumento da taxa Finame, as vendas de consórcio deverão continuar crescentes”, falou Cammarosano enfatizando que temos diversos planos em parceria com os consórcios BRQualy, Maggi, Gaplan, que vão desde entrega programada, viagens, parcelas reduzidas, etc. Temos planos para cada perfil de cliente.

De acordo com Osmar Hirashiki, diretor Comercial da Iveco, esperamos ampliar ainda mais a base de consorciados Iveco e, consequentemente, aumentar as aquisições de caminhões por meio desta modalidade de pagamentos. Além do portfólio completo de produtos que o consorciado pode escolher, que vai da linha Daily até o Hi-Way, desde 2006 promovemos programas de viagens de incentivo para um universo de mais de 5.000 clientes.

Segundo Adriano Bruni, diretor Comercial do Consórcio Iveco, atualmente, o transportador está entendendo a necessidade de planejar sua compra, tanto para ampliar quanto renovar sua frota e a maneira mais prática e barata para fazer isso é a modalidade consórcio. Temos opções de crédito que variam de R$ 70 mil a R$ 420 mil, com parcelas lineares e reduzidas, e com o menor custo final de taxas, diluídas nos prazos estabelecidos, que podem chegar a 100 meses. Além disso, trabalhamos com contemplações por sorteio, lances fixos e livres que facilitam a compra e flexibilizam o fluxo de caixa do cliente.

Adriano Bruni lembra que para fidelizar nossos clientes, buscamos oferecer experiências exclusivas. “Desde 2006, temos nossos programas de viagens de incentivo, onde já levamos mais de 5.000 clientes para viajar ao redor do mundo. Sempre na modalidade de comprou – ganhou. Nossas promoções são inesquecíveis e de alto padrão. Para o ano de 2017, nossa campanha atual é `Encantos da Europa´, onde ao comprar uma cota de consórcio da Linha Iveco Stralis ou Iveco Hi-way, o cliente garante um pacote de viagem para conhecer as cidades de Mônaco, Milão e Turim. O pacote é completo e conta com passagens aéreas, hospedagem, traslados, evento de boas-vindas, seguro viagem, além da assistência de nossa equipe durante todo o período, com guias exclusivos e preparados para que nosso consorciado não precise se preocupar com nada”. Os programas, sempre procura unir o passeio à marca, portanto, em Turim, os clientes visitarão a CNH Industrial Village, localizado em uma área de 74mil m², o empreendimento conta com um museu de veículos comerciais, pista de testes, salão de exposições, loja da marca e muito mais. Uma espécie de cidade do grupo CNHi, na qual a Iveco é a ramificação de veículos Comerciais. “Nossa promoção sempre é válida por 1 ano, assim conseguimos fidelizar nossos clientes, que a cada campanha nos procuram para adquirir mais cotas, garantindo todas as vantagens que o consórcio traz, além de usufruir de uma excelente viagem de férias”, diz Adriano Bruni.

Segundo Suzana Soncin, diretora-geral do Consórcio Scania, o Consórcio Scania tem se mantido como uma das principais alternativas para o cliente planejar a renovação e o crescimento da sua frota. Uma cota contemplada gera uma grande oportunidade de negócios, e por isso o consórcio se mantém muito forte. Ela lembra que 2016 foi um ano de desafios para todos, mas mesmo assim conseguimos realizar muitas vendas e estreitar o relacionamento com nossos clientes em viagens para diversos lugares, como Las Vegas e Orlando, nos Estados Unidos e Berlin, na Alemanha. Além dos destinos nacionais com a ida à Ilha de Comandatuba, exclusiva para a promoção “Família Scania na Ilha”, e Praia do Forte, na também na Bahia. Tivemos ainda a promoção Dreamline Gold, com o sorteio de três caminhões dourados entre 300 clientes, sorteio este realizado pela primeira vez diretamente da fábrica de chassis da Scania, na assembleia do mês de novembro, comemorando a inauguração da nossa nova sede. Saímos de Cotia e viemos para São Bernardo, e estamos na frente da fábrica.

Em 2017 temos a comemoração de 35 anos de atividades do Consórcio Scania. Fomos o primeiro consórcio especializado em veículos pesados, criado em uma época muito parecida com a atual, com cenário econômico recessivo e poucas opções de crédito para o transportador. Temos uma história de parceira com o setor, e a melhor forma de comemorar esses 35 aos é olhando o futuro, buscando novas oportunidades, novos planos e aprimorando o programa de relacionamento Família Scania para que cada vez mais clientes tenham acesso aos produtos e serviços da marca Scania. Nossa expectativa é positiva para este ano”, diz Suzana Soncin.

Em 2017 o Consórcio Scania completa 35 anos de atuação, com mais de 80 mil clientes contemplados e uma carteira de 27 mil cotas ativas; para comemorar essa importante data, foi lançada uma promoção na qual serão sorteados dois caminhões série especial comemorativa dos 60 anos da Scania no Brasil; batizados de “Clássico Estilo”. Os caminhões a serem sorteados vêm com um pacote de equipamentos opcionais, além de uma pintura que homenageia a série de caminhões T 113, da histórica Série 3; serão apenas 300 cotas que concorrerão no sorteio, que será realizado no dia 18 de outubro, no estande da Scania na Fenatran. Além de participar do sorteio, os clientes do grupo ganharão, também, uma viagem para São Paulo, onde conhecerão a sede da Scania Administradora de Consórcios e a fábrica da Scania em São Bernardo do Campo, com direito a visita ao Museu do Futebol, no estádio do Pacaembu e happy hour no Bar Brahma.

 

 

 

Leave a reply