Todos os caminhoneiros que fazem a rota passando pela cidade de Cubatão, litoral de São Paulo, esperam a oportunidade de conhecerem o que há de mais moderno na indústria automobilística. Isto porque o Grupo TT, anualmente, organiza a Feira do Caminhoneiro, este ano, completando 10 anos.

A Feira é uma boa oportunidade para quem é do ramo observar cada detalhe daquele que pode ser seu novo instrumento de trabalho e para aqueles que apenas apreciam ver bem de perto as máquinas que transportam o progresso do País.

Todas as fábricas e fornecedores têm a preocupação de transmitir novos conhecimentos nas áreas em que elas atuam por meio de palestras e jogos inteligentes. A questão da saúde também não foi esquecida, e, além dos testes tradicionais, foram aplicadas vacinas e realizados testes rápidos de HIV.

Veja um pouco do que cada expositor apresentou entre os dias 12 e 14 de setembro, no Ecopátio, em Cubatão, SP.

BV FINANCEIRA
Ofereceu algumas oportunidades, realizações de sonhos, de trocar ou comprar um caminhão novo, para uma categoria carente de atendimento. A BV prestou serviços com uma equipe que atende a região de maneira personalizada, indo até o cliente, sem que ele tenha que ir aos escritórios da empresa. Se necessário for, se encontra com o caminhoneiro onde ele estiver, como no próprio Ecopátio.

A BV divulgou o seu diferencial que tem nos caminhões pesados, facilitando o acesso ao primeiro caminhão. Criou uma situação para facilitar o acesso, a oportunidade para adquirir o caminhão com uma taxa competitiva de acordo com o perfil do cliente. Tanto assim, que permite que o financiamento seja feito junto com o seguro.

BIAGIO
Para a 10ª Feira do Caminhoneiro de Cubatão, a Biagio Turbos mais uma vez trouxe conhecimento e novidades para os caminhoneiros. A Biagio exibiu sua crescente linha de turbocompressores ecológicos e econômicos, o Ecoturbo. As movimentadas palestras realizadas pelos técnicos demonstraram o contínuo interesse dos motoristas pelo Ecoturbo Biagio. Nas palestras foram abordadas a economia de combustível, a redução de particulado e o aumento de torque em baixas rotações que o Ecoturbo proporciona ao veículo. Para a empresa, a Feira do Caminhoneiro é um importante canal para conseguir abordar os consumidores trazendo informação de forma clara e objetiva ao motorista.

CONTINENTAL
Por meio da sua concessionária, a Auto Sueco, a Continental apresentou seus modelos com tecnologia de ponta: o HSR2 e o HDR2. O HSR2 é um pneu direcional que está sendo oferecido com garantia para até a segunda vida com qualquer banda. E se o cliente colocar a banda Continental na reforma, a garantia é estendida até a terceira vida.

O HDR2 é um pneu de tração que também tem a mesma garantia e oferece ainda o reforço no talão e na carcaça para garantir maior durabilidade e resistência.

ECOPÁTIO
Como sempre, ofereceu um local seguro para o caminhoneiro e família, com sala para crianças brincarem, praça de alimentação, área de lazer com baralho e dominó. O valor da diária varia de acordo com o contrato que o terminal que o caminhoneiro irá atender, mas em média, gira em torno de R$ 30,00 por uma permanência de oito horas. Também apresentou a Elog, uma holding de logística que pretende facilitar toda a operação, tanto para o caminhoneiro como para os embarcadores.

FITACABO
A Fitacabo trouxe tudo o que o caminhoneiro precisa para amarrar sua carga com segurança. Fitas de amarração de fibra de poliéster para 10 toneladas, tensionadores, catracas fixas e móveis. Quando existem berços dentro do caminhão, as catracas móveis dão a segurança ideal, como acontece na amarração de bobinas. A Fitacabo oferece os terminais de acordo com o engate existente na carroçaria. Eles são feitos com trefilados, laminados, o que garante a amarração com total segurança. A Fitacabo também oferece fitas mais leves para amarração de pequenas caixas, tambores e cargas pequenas. A resistência das fitas pequenas varia de acordo com a necessidade do cliente, chegando até a cinco toneladas. Os produtos são vendidos diretamente para transportadoras, que, em alguns casos, repassam para os caminhoneiros.

FORD
Na 10ª Feira do Caminhoneiro, em Cubatão, a Ford mostrou seus lançamentos, o Ford Cargo 2428, e três Ford Cargo 1932 na área de test drive, que foram dirigidos por mais de 400 caminhoneiros. Em exposição, estava o cavalo-mecânico Ford Cargo 1932 e o Cargo, transformado em Odontomóvel prestando atendimento aos visitantes. Desde a sua criação, essa importante ação social atingiu 40 mil caminhoneiros.

FRUM
Trouxe a linha HP, high performance, tambores de freio de alta performance para veículos urbanos e rodoviários e discos de freios iguais aos utilizados nos caminhões que correm na Fórmula Truck. Os tambores de alta performance são aqueles que oferecem melhor refrigeração, maior custo/benéfico da lona, desgaste uniforme da lona de freio e vida maior tanto da lona, como do tambor de freio. O preço é igual à linha normal, porém, ainda não há disponível para toda a gama de caminhões. A linha está sendo ampliada. Esse tambor de freio tem um limpa-pastilha que a mantém sempre com a melhor aderência ao disco de freio. A Fórmula Truck serve como uma pista de teste para que a Frum desenvolva seus produtos, tanto assim, que a liga utilizada nessa competição, é muito semelhante à utilizada nos produtos de linha. Além dos produtos, a Frum fez palestras para que o caminhoneiro conheça melhor o sistema de freio e a performance de frenagem, entre outros itens.

GOODYEAR
Apresentou a linha de produtos para caminhões pesados e ônibus, com destaque para a Série 600. É a sensação atual quando se fala em pneus de caminhões porque incorpora o que há de mais moderno em tecnologia com vários atributos que beneficiam o usuário, oferecendo entre outras coisas, o menor custo por quilômetro rodado e uma série de atributos que estão embutidos no produto. Também levou a borracha Goodyear para recauchutagem de pneu o que completa o ciclo: pneu Goodyear com a borracha Goodyear para recauchutar o pneu com a mesma tecnologia da Série 600.

Com isso, o consumidor tem a garantia do fabricante e dá continuidade da vida do pneu com um melhor aproveitamento e custo km/rodado. Além disso, tem a garantia total da carcaça contra qualquer problema que possa ter no processo de recapagem. A garantia é até o final da vida útil do pneu, por isso a Goodyear chama de garantia do Ciclo Total do pneu.

A Goodyear também apresentou o G657, um dos itens da Série 600, que tem o apelo de oferecer menor resistência ao rolamento, o que reflete no menor consumo de combustível. Foram feitas palestras para os caminhoneiros mostrando os cuidados que se deve ter com os pneus e fez ainda uma ação de marketing com o concurso “Herói das Estradas”.

HERÓI DAS ESTRADAS
A Goodyear promoveu o concurso cultural Herói das Estradas, recebendo histórias verídicas de caminhoneiros que fizeram algo realmente digno de um herói. Até novembro serão escolhidas dez histórias. A terceira colocada ganhará R$ 15 mil em pneus e recapagens, o segundo R$ 30 mil em pneus e recapagens e o primeiro um caminhão Volkswagen Constellation 19.320, zero quilômetro. O caminhoneiro pode escrever sua história nas feiras organizadas pelo Grupo TT, nos pontos fixos como na área de lazer do posto Sakamoto, em Guarulhos, SP e no Ecopátio, em Cubatão, nos primeiros sete dias de cada mês, e no site do Herói da Estrada.

LOCOMOTIVA
Além do encerado Locomotiva, lona de algodão produzida há mais de 100 anos pela empresa, estava exposto o Locomotiva Lonil, uma lona 100% impermeável, utilizado pelos caminhões graneleiros, que transportam suas cargas pelo Brasil inteiro, assim como no porto de Cubatão. A carga fica 100% protegida contra chuva. Por isso, é indicado para transporte de grãos e cargas como açúcar. O Lonil é mais barato que o encerado, que é produzido 100% com fios de algodão.

Além disso, a Locomotiva levou bastante informações para os caminhoneiros sobre sustentabilidade com o tema “Locomotiva cuida do meio ambiente como cuida de sua carga”. Deu atenção à saúde e, principalmente, educação no trânsito, com ênfase para os caminhoneiros que atravessam a cidade de São Paulo para chegar em Santos.

MAN
A MAN desenvolveu duas ações: no test drive levou o 26.370 bitrem, o 19.320 com carreta com três eixos e o 24.250 8×2, com um tanque. O modelo que chamou mais a atenção foi justamente o 24.250 que tem a vantagem extra de puxar o mesmo PBT de uma carreta, sendo menor, apenas 14 metros. Tem força para puxar peso, não volume.

Além disso, economiza pneus, pois com o segundo eixo dianteiro com dois pneus, o conjunto terá menos pneus que uma carreta.

Outra vantagem dessa configuração é a de que, em caso de um pneu dianteiro estourar, ainda restarão três pneus de apoio, aumentando a segurança. O segundo eixo dianteiro pode ser erguido para economizar. No estante, estavam expostos os modelos 26.370, 6×4, um 25.320, 6×2 e um 19.320 4×2.

Temos em nosso estande principal um game com ações de cidadania e palestras sobre legislação de trânsito, peso de balança, e o Proconve 7, nova lei de emissões que entrará em vigor em janeiro de 2012.

A palestra oferecida aos caminhoneiros pela MAN, passou a ser quase que uma entrega técnica, conscientizando o caminhoneiro a ler o manual do caminhão e um folheto que eles recebiam com dicas de como utilizar melhor o produto.

No estante, estavam expostos os modelos 26.370, 6×4, um 25.320, 6×2 e um 19.320, 4×2.

MWM INTERNATIONAL
Trouxe o motor Max Force 7.2 H, ainda na versão Euro 3, utilizado pela MAN, Volvo e Agrale, e também o Max Force 7.2 H preparado para a Euro 5, ou Proconve P7.

Também foram feitas palestras sobre a importância da utilização de peças genuínas. As pessoas têm experiências para compartilhar com outras sobre o uso de peças piratas, bem como o mito de que a peça genuína é muito mais cara. Existem diferenças de preços em todas as escalas, mas a MWM International procurou passar que a pessoa que utiliza peça genuína terá sempre a garantia do motor inteiro, além de manter sempre o desempenho ideal. E para que os caminhoneiros tenham fácil acesso às peças, possui 450 pontos de atendimento no Brasil inteiro. A empresa promoveu uma roleta interativa com motores e clientes diferentes, para que o caminhoneiro identifique o motor, com o cliente, o que reforçava a marca MWM International.

MERCEDES-BENZ
Expôs o Actros 2646 e um Axor Premium. No test drive levou um Axor 2646 e um Axor Premium 2644. Também mostrou a tecnologia Blue Tech 5 em um totem e por meio do animador que falava sobre o assunto. Isso porque os caminhoneiros têm dúvidas de como vai ser a nova tecnologia, qual o consumo, como o caminhão reagirá. Por isso, a Mercedes-Benz explicou como funcionará esse novo processo para atender a legislação de emissão de poluentes, o Proconve P7.

As atividades no estante e brincadeiras tiveram o alvo voltado para a Mercedes-Benz, seus produtos, além de informações sobre direção ergonômica, Doenças Sexualmente Transmissíveis e assuntos relativos ao mundo dos caminhoneiros.

MICHELIN
Apresentou o pneu X Multiway na medida 295/80R22.5 que oferece uma quilometragem 20% maior em relação ao modelo anterior, graças a um processo de fabricação inovador que concilia banda de rodagem mais larga, carcaça reforçada MDT (Michelin Durable Technologies) e exclusiva escultura, proporcionando melhor dirigibilidade e estabilidade do veículo. O novo pneu pode ser adquirido com um pacote de serviços “Oferta Vida Total” onde pagando R$ 30,00 a mais, o consumidor ganha um bônus de R$ 70,00 na recapagem pelo método Refill e R$ 50,00 no processo Recamic e ainda ganha de presente, um ano de garantia contra danos acidentais. O processo de reforma Refill é exclusivo para carcaças Michelin e consiste em tornar o pneu novo de novo, pois utiliza a banda de rodagem de um pneu original e tem garantia completa, ou seja, da carcaça e do Serviço Refill garantindo ao cliente a certeza de ter feito um excelente negócio. Trouxe também o pneu 275/70, XTE, um pneu com a mesma capacidade de carga do 295, mas para utilização somente em semirreboque. Ele é 10 quilos mais leve que o 295, o que significa maior capacidade e volume de carga transportada. Também possibilita o rebaixamento em 10 cm da altura do semirreboque, o que proporciona maior segurança.

MINISTÉRIO DA SAÚDE
Fez ações de prevenção, teste rápido para HIV e a vacinação contra Hepatite B, tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) e a de tétano. O teste rápido do HIV é 100% confiável. O método é simples, com uma picada no dedo, o resultado sai em cerca de 15 minutos. Tanto a vacinação quanto o teste de HIV foram importantes, pois a população de caminhoneiros tem difícil acesso ao serviço de saúde devido ao tempo em que eles ficam pelas estradas.

O profissional de saúde que conversa com o caminhoneiro é capacitado para fazer uma avaliação de risco para orientá-la na prevenção. O objetivo é fazer o diagnóstico mais precoce possível para a pessoa se tratar no serviço de saúde, viver mais e com qualidade de vida.

No caso de haver algum resultado positivo, é feito o encaminhamento para o posto de saúde mais próximo da casa do caminhoneiro, ou onde ele prefira.

O projeto é antigo, mas para o caminhoneiro especificamente, foi assinado na Feira do Caminhoneiro, no posto Sakamoto. No estado de São Paulo, 14.000 casos de Aids estão na baixada, o que representa 7% de todos os casos do Estado. Em três dias foram vacinados 263 caminhoneiros e aplicados 242 testes de HIV, sendo um positivo. Um caminhoneiro que está em tratamento há dois anos, sem contar para ninguém, fez o teste que deu positivo, o que comprova a eficácia do procedimento.

MOBIL DELVAC
Trouxe um caricaturista que desenhou os rostos dos caminhoneiros em camisetas. Também apresentou um show car, protótipo do carro da Stock Cars que a Mobil patrocina, para que as pessoas pudessem ver de perto como é. Desenvolveu jogos interativos, distribuindo vale-brindes para que as pessoas preenchessem com seus dados e retirassem um brinde. Colocou totens onde o caminhoneiro podia localizar os pontos de vendas Mobil Delvac. Para ninguém ficar parado, contratou um animador que desenvolveu diversas atividades onde eram distruídos bonés e camisetas. Um brinde muito cobiçado foram as fotos instantâneas e imantadas que grudam na geladeira e no caminhão. O caminhoneiro tirava a foto na hora e a levava em sua viagem. Também foram realizadas palestras dentro do estande em parceria com o revendedor da região, Carletti, que explicava tudo sobre o sistema a granel. Esse é o sistema de troca inteligente, onde o cliente pode comprar embalagens de 400 e 1.000 litros, em vez de comprar vários frascos e ter desperdício. A troca inteligente permite que o consumidor só utilize o que ele precisa, como se fosse um tanque de combustível, só que externo, sem a necessidade de nenhuma construção. A Mobil também levou Pedro Trucão que fez algumas apresentações e palestras sobre segurança. Foi divulgado o Mobil Delvac MX e sorteados o Mobil Delvac 1.400 para caminhões.

ODONTOMÓVEL
O projeto patrocinado pela Ford começou em abril de 2000. No baú de um Ford Cargo 815, foi montado um consultório odontológico para fazer desde uma simples limpeza até pequenas cirurgias. O caminhoneiro número 40 mil foi Cláudio de Oliveira Santos, de 45 anos e 10 anos de profissão, transporta contêiner de Santos para Anápolis, GO. “Fui ao Odontomóvel para arrumar os dentes porque fazia tempo que não ia em um dentista”, explicou. “Foi a primeira vez, mas vários amigos que passaram pelo Odontomóvel me indicaram e falaram que era muito bom”.

O problema desse caminhoneiro era bruxismo (ranger dos dentes), muito comum entre os caminhoneiros, pois é uma maneira de aliviar o estresse e duas restaurações que foram feitas. Além dos 40 mil caminhoneiros, mais 12 mil pessoas ligadas a eles e 80 mil crianças passaram pelo Odontomóvel, assistindo palestras e aprendendo a fazer higiene bucal.

RODOLINEA
Expôs um semirreboque basculante para 25 m3. Este produto faz parte de uma linha que pode chegar a até 55 m3 de capacidade, ideal para transportar lixo e entulho por apresentar ainda mais robustez, com 4,75 mm de espessura no fundo e 3,75 mm nas laterais do basculante. Também expôs um porta-container de 30 pés. Todos produtos faziam parte da linha comemorativa de 30 anos.

O sistema de basculamento é extralargo, o que melhora a estabilidade na hora de bascular. A RodoLinea continua com o sistema de componentes intercambiáveis, como, por exemplo, os cilindros. Isso é uma grande vantagem para os clientes que podem encontrar uma peça mais facilmente. Não precisa ser uma peça original, pode ser a de outro fabricante de implementos e colocar no equipamento RodoLinea que funcionará sem problema, mantendo o padrão original.

E para quem quer programar a renovação da frota, a RodoLinea também apresentou seu consórcio em 28 e 36 meses.

SASCAR
Vem trabalhando na divulgação dos produtos focados em tecnologia GSM e satelital que oferecem para o transportador mais condições de gerenciamento da operação logística e para o autônomo significa mais condições de fretes. Ele tem condições de carregar para um maior número de empresas, uma vez que ter a solução da Sascar instalado no caminhão é mais um diferencial.

A Sascar vai desde a simples localização e bloqueio, que é o básico, até uma solução sofisticada, não na operação, que é simples, mas sim na qualidade de dados que ela vai oferecer, como relatórios via internet.

Há um sistema que dá nota para cada operação que o motorista executa, sendo possível ver quantos pontos ele marcou, e colocando-o em um ranking de notas, o motorista que mais se adequou nas suas configurações e aqueles que não conseguiram atingir a meta.

Isso facilita na educação e no treinamento do motorista, que é o mais importante hoje. Não basta ter a informação, é preciso ter a formação.

A Sascar não vende equipamentos, trabalha com sistema de locação que pode ser paga em 36 meses a partir do qual paga apenas mensalidade. Ofereceu condição especial de fechamento durante a Feira.

Deu continuidade na campanha de educação no trânsito, distribuindo uma cartilha/caderneta que traz dicas básicas de segurança, como regular cinto de segurança, testar freios, e outros detalhes que podem causar acidentes. Junto com as dicas, existem algumas folhas para que o caminhoneiro faça anotações. Com isso, ele sempre está vendo as dicas, que acabam se fixando na mente.

SCANIA
Mostrou o “Rei da Estrada”, o Scania V8, com 580 cv de potência, o caminhão mais potente do mercado brasileiro. Além disso, colocou um totem com cinco perguntas para que, além dos caminhoneiros ganharem brindes, aprendessem algo. Por isso, independente das respostas, o brinde sempre era dado.

Para aumentar a dose de aprendizado, eram feitas palestras nas quais itens como direção defensiva e a legislação do Conama P7 foram apresentados e reforçados para aqueles mais informados.

E como vem fazendo há algum tempo, a Scania se preocupa com o lado social e promoveu a arrecadação de alimentos. O caminhoneiro que trouxesse um quilo de alimento não perecível ganhava um boné. Para quem não tinha alimento, podia comprar o boné por R$ 5,00. Todo o dinheiro arrecadado se transformou em alimentos destinados a uma instituição de caridade da cidade.

SEST/SENAT
Junto com o Ministério da Saúde, o Sest/Senat desenvolveu várias ações como a aplicação de vacinas. Esse tipo de ação é importante porque os caminhoneiros vivem longe de centros urbanos que oferecem estes serviços. Na Feira de Cubatão ele pôde colocar algumas das vacinas em ordem.

SINOTRUK
No estande estavam expostos dois modelos Howo 380, um 6×2 e outro 6×4, para que os caminhoneiros pudessem ver o produto com calma e em detalhe. Uma equipe de vendedores ficou no estande para dar explicações para os possíveis clientes, e um animador fez diversas atividades para adultos e crianças, fazendo todos se agitarem. No test drive, também estavam dois caminhões Howo, um 6×2 e outro 6×4, para que os caminhoneiros pudessem dirigir o modelo e tirarem suas dúvidas com técnicos da Sinotruk.

UNIFISA
Criou um plano de consórcio de pneus além do consórcio de caminhão. O cliente não precisa esperar o grupo ser formado, participa no primeiro mês, independente do prazo que ele fizer. Entra, paga a primeira prestação e uma parte da taxa de administração, o que seria a taxa de adesão, e já participa. A Unifisa foi para Cubatão com um grupo formado. O crédito máximo disponível era de R$ 220 mil com pagamento em até 100 meses. A grande vantagem do consórcio é o não pagamento de juros. Paga apenas a taxa de administração, que pode variar até 20% no máximo, o fundo de reserva que é de 2,5% e o seguro de vida em grupo que é de 0,088% ao mês.

O consórcio é ideal para aquele que já tem um caminhão e quer comprar um maior. Pode entrar pagando a diferença e quando for contemplado, tira um modelo melhor. Ele até pode oferecer o usado como lance, mas não tem como garantir a contemplação. Caso seja contemplado, pode usar o lance para reduzir o valor das parcelas, ou diminuir o número de prestações. A Unifisa instalou um sino no estante para que quando a pessoa adquirir uma cota de consórcio, celebre batendo o sino para trazer energia, boa sorte, e que ele consiga ser contemplado o quanto antes. Muitos clientes acabam se emocionando com esta comemoração.

VOLVO
Apresentou o VM 260, o FH 480 i-shift, os seminovos Viking, usados com garantia da Volvo e fez apresentações do “Professor” João Francisco que demonstrou a economia que o VM proporciona. Além de falar sobre a tecnologia dos produtos Volvo, ofereceu aos caminhoneiros, a possibilidade de fazer fotos no estante e recebê-la por e-mail ou na mesma hora. A foto era imantada e podia ser fixada na geladeira, ou no caminhão. A Caravana Ecológica também estava presente para conscientizar os motoristas contra tráfico de animais, preservação do meio ambiente e como ele pode colaborar. Preenchendo uma ficha, o caminhoneiro recebia um CD com as músicas tocadas na apresentação. No estande, havia um FH 480 i-shift, um VM 260 4×2, um Viking Plus VM 310 4×2.

Leave a reply