Grupo Protege realiza o transporte do manto e da coroa da Padroeira do Brasil

0
403

 Réplicas foram conduzidas pela empresa do Santuário de Nossa Senhora Aparecida até o Sambódromo do Anhembi

O Grupo Protege foi a empresa escolhida pela Unidos da Vila Maria para realizar o transporte das réplicas do manto e da coroa que serão usados na Imagem principal de Nossa Senhora Aparecida, em um dos carros alegóricos da escola de samba. Os itens serão apresentados pela agremiação durante o primeiro dia de desfile do Grupo Especial do Carnaval 2017, no Sambódromo do Anhembi, em homenagem ao jubileu do tricentenário da Padroeira do Brasil.

Funcionários e representantes do Grupo Protege participaram de uma missa na última quarta-feira, dia 22, às 10h30, no Santuário Nacional de Aparecida. Houve bênção do manto e da coroa, e procissão até o transporte. A celebração Eucarística foi presidida pelo reitor do Santuário Nacional, padre João Batista Almeida. “Essa homenagem é bem simbólica. O Grupo Protege que faz transportes de valores, levou itens que representam a fé e devoção de todo o povo brasileiro”, explica o reitor.

O traslado foi efetuado em carro-forte blindado, por uma equipe de quatro vigilantes, de Aparecida até o Anhembi, aonde foi entregue para custódia da diretoria da escola de samba. O veículo é monitorado por satélite e câmeras em tempo real e integra a frota de 1,3 mil blindados do Grupo Protege.

“Estamos muito orgulhosos em participar desse projeto em celebração a Padroeira do Brasil. Nossa experiência e conhecimento no transporte de bens de alto valor agregado certamente contribuirá para o sucesso dessa justa homenagem do carnaval paulistano ao tricentenário da imagem de Nossa Senhora Aparecida”, diz Marcelo Baptista de Oliveira, presidente do Grupo Protege.

A imagem de Nossa Senhora Aparecida foi encontrada no Rio Paraíba do Sul, no ano de 1717, e ao longo dos últimos 300 anos alguns mantos ornaram a Padroeira do Brasil. O manto atual foi confeccionado por uma família de Aparecida, onde está localizado o Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida. O mesmo correu com a coroa, que ao longo dos anos ganhou novas versões. A mais importante é a que foi doada pela Princesa Isabel, em 1868, e que está atualmente junto à imagem original.

Por intermédio da Lei Rouanet, a Protege destinou parte de seu investimento social privado em 2017 para apoiar o projeto “Aparecida – A Rainha do Brasil ‘300 Anos de Amor e Fé no Coração do Povo Brasileiro'”, bem como, as oportunidades de inclusão socioculturais geradas a partir dessa festa popular brasileira.

 Grupo Protege

Fundado em 1971, com mais de 17 mil colaboradores e presente em todas as regiões do país, o Grupo Protege tem atuação diversificada que engloba logística, processamento e custódia de valores, serviços aeroportuários, segurança patrimonial e eletrônica, além de formação de profissionais e terceirização de mão de obra para as atividades relacionadas à segurança. O Grupo Protege é formado por seis empresas: Protege, Protege Segurança Eletrônica, Provig, Proair, Protege Serviços Especiais e Proforte.

Leave a reply